Ela

Ela estava ali: sexy, a me olhar. Pronta. Vestida para matar sua vontade e o meu desejo.

Foi abrir a porta e me deparar com aquilo. A cabeça, a rodar, pensava em tudo ao mesmo tempo. Fiquei assim, parado em êxtase, sem noção do tempo. Preso por uma infinidade de nanossegundos… ela era expert em capturar meus sentidos.

O olhar de menina no corpo de mulher foi a combinação que me fisgou. Estávamos juntos há pouco mais de um ano. Lembro do exato momento que a vi. Ela roubou minha atenção sem sequer me dirigir uma só palavra – foi seu olhar que me arrebatou. E ela sabia disso. Tinha plena consciência do seu impacto sobre as pessoas – hipnótico.

Ali estava ela: seminua. Perfeita. E seus olhos me chamaram ao agora, a prometer o gozo futuro.

* A foto veio daqui: the things that excite me

Uma resposta para “Ela”

  1. O olhar tem um poder fantástico, sedutor, arrabatador, mas que também condena, repreende, inibe, afasta. Quanto se pode dizer com um olhar, sendo desnecessárias as palavras!

E você, o que pensa sobre isso?! Comente aí, vai...