Príncipe Sapo

A onda Beija-Sapo baixou aqui na agência. A diretora de arte trouxe de Paris [très chic] um sapinho para as moçoilas beijarem [todas as quintas e sextas do mês]. Quem sabe assim o sapo vira príncipe e a gente desencalha?

A brincadeira já tem até versinho – aí, já viu, né? Rapidinho vai virar ritual. Eu que não sou boba nem nada, já estou fiel. Mas não quero nem príncipe, nem sapo. Se vier um rapaz alto, forte, tatuado e careca, já tô feliz!

Posted by Picasa
Eu fiz as fotitas do Príncipe-Sapo.
Mas não vou guardar na carteira, que já é demais!

Uma resposta para “Príncipe Sapo”

  1. minha filha, ano passado todo eu só beijei sapo e não funcionou! quem sabe vindo de paris…

    quanto à rapaz alto, tatuado e careca, eu tô rifando aquele que você conheceu. 10 real, vai? (kkkkkkkkkkkkkkkkkk)

    bisous, amore. (mande um meu pro sapinho, pout-être…)

E você, o que pensa sobre isso?! Comente aí, vai...